top of page
  • ZECA FILHO

Lupi nomeia a si mesmo para cargo com remuneração superior a R$ 20 mil

Atualizado: 6 de abr.




O ministro da Previdência Social, Carlos Lupi (PDT), nomeou a si mesmo como membro titular do conselho fiscal do Serviço Social do Comércio (Sesc). Caso participe de todos os encontros, Lupi pode ganhar um extra de até R$ 24 mil mensal.

Os membros deste conselho são remunerados por meio de jetom, portanto recebem conforme participam de reuniões. Carlos Lupi também nomeou o tesoureiro nacional do PDT e chefe de gabinete da Previdência Social, Marcelo de Oliveira Panella, para o mesmo cargo junto ao Conselho Fiscal do Sesc. Ele também receberá o bônus de R$ 4 mil.

São realizadas por mês, seis reuniões ordinárias, o que resultaria em um pagamento de R$ 21 mil mensais. O pedetista, que acumulará funções, recebe cerca de R$ 39,2 mil como ministro do governo de Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Os conselhos fiscais de Sesc e Senac contam ainda com outros membros do governo federal, representantes de centrais sindicais e da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC). O peso de voto é igual para todos os sete conselheiros que compõem colegiado, e os mandatos são de dois anos.

bottom of page